Saiba como resgatar título de capitalização e o que ocorre em cada caso

Saiba como resgatar título de capitalização e o que ocorre em cada caso

Para entender como resgatar título de capitalização, é preciso saber que existem diferentes formas de resgate e que cada uma tem regras específicas. Veja.

1
12 de abril, 2019
Como resgatar título de capitalização

Você sabe como resgatar título de capitalização? Essa é uma dúvida comum entre as pessoas que têm o primeiro contato com este modelo de economia programada.

O resgate pode ser do Itaú, do Santander, da Caixa ou do Bradesco, por exemplo.

Para saber como resgatar título de capitalização, basta ficar atento às informações do plano que está sendo adquirido. O processo não é tão simples quanto a retirada de uma premiação de loteria, por exemplo, mas não chega a ser complexo.

Como resgatar título de capitalização?

Em geral, o resgate pode ser feito de quatro formas: antecipado, parcial, ao final da vigência ou por premiação em sorteios.

Cada uma das formas de resgate tem regras específicas para a retirada de valores.

Além disso, o saldo do consumidor dependerá diretamente do modelo de resgate que está sendo aplicado.

Resgatar antes do prazo

Se o consumidor passar por alguma emergência financeira e tiver interesse em reaver o dinheiro aplicado no título, é possível fazer o resgate antes do prazo de vigência.

Para isso, no entanto, existe um período de carência, que varia de acordo com a instituição financeira e o plano escolhido.

Este período pode ser de 30 dias em títulos de pagamento único, mas pode chegar a até 12 meses nos planos de pagamentos mensais.

Ao escolher fazer um resgate antecipado, o titular deve estar ciente de que não receberá 100% do valor aplicado até o momento.

Isso acontece porque as instituições responsáveis pela comercialização dos títulos de capitalização direcionam os valores pagos pelos consumidores às premiações dos sorteios, que normalmente são baseados nos resultados da Loteria Federal.

Portanto, para garantir que os prêmios sejam pagos corretamente, a empresa devolve apenas parte dos valores aplicados pelo consumidor que escolhe retirar o dinheiro antes do prazo.

No momento em que escolhe fazer o resgate antecipado total dos valores aos quais tem direito, o título é cancelado e o consumidor não pode mais participar dos sorteios.

Resgatar parcialmente

O resgate parcial acontece quando o consumidor deseja receber o dinheiro aplicado antes do término do contrato, mas não em sua totalidade.

Nestes casos, como ainda há dinheiro investido, o título não é cancelado e o titular pode continuar participando dos sorteios.

Existem valores mínimos e máximos de retirada para que o resgate seja considerado parcial.

Esta modalidade, no entanto, não existe em todos os títulos, sendo necessário conferir a possibilidade nas condições gerais do produto.

Vale destacar que, mesmo que o título continue ativo, a retirada parcial também pode afetar o valor de resgate disponível após o encerramento do contrato.

Resgatar ao final da vigência

Para quem busca entender como fazer um resgate, é importante saber que a retirada ao final da vigência é a melhor opção se você deseja ter de volta todo o dinheiro aplicado.

Diferente do que acontece com quem opta pela retirada antecipada, quem espera até o final do plano para sacar o valor aplicado terá toda a sua cota de capitalização.

Essa cota diz respeito ao percentual da mensalidade direcionado à formação do montante que será pago de volta ao consumidor após o término do contrato.

O valor passa por correções monetárias e será sempre de, no mínimo, 100% do que foi gasto ao longo da vigência.

Resgatar prêmios de sorteios

Existe também o resgate que todos desejam fazer: o das premiações dos sorteios.

Quando o consumidor é sorteado, ele recebe o valor anunciado – que pode ou não já ser líquido de Imposto de Renda, sendo necessário conferir nas normas do título.

Para saber como resgatar um título de capitalização, é necessário consultar as informações disponibilizadas pela empresa responsável por comercializar o título.

SOBRE O AUTOR

Guilherme Parolim
Guilherme Parolim • Editor
Guilherme Parolim é formado em Jornalismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Trabalhar com fatos o faz acreditar que pode vencer na loteria. Afinal, uma coisa é certa: alguém tem que ganhar! Saiba mais

Deixe um comentário

Vídeo mais recente

0
Jogue com 17 dezenas na Lotofácil e garanta 14 pontos. Verdadeiro ou falso?
Ver Mais