Matemático acha brecha na loteria e ganha mais de R$135 milhões

Matemático acha brecha na loteria e ganha mais de R$135 milhões

Matemático acha brecha na loteria e ganha mais de 135 milhões de reais!

O nome dele? Frank Molitor? Infelizmente não!
O nome dele é Jerry Selbee e eu vou contar a história dele aqui no Casos de Loterias de hoje.
Este é o matemático americano Jerry Selbee, morador de uma pequena cidade no Michigan chamada Evart. Foi nessa cidade que ele descobriu uma loteria chamada Winfall que mudou totalmente sua vida! Ao ler o regulamento da loteria, Jerry percebeu em 3 minutos que ele tinha muito potencial pra ganhar!
Jerry descobriu a brecha que todos procuram nas loterias! A Winfall é muito similar à Mega-Sena. Você escolhe 6 números, mas em vez de 60 números ela tem só 49. Ganha quem acertar 2, 3, 4, 5 ou 6 números. Só que… há um porém! A forma de acumulação da loteria.
Quando a loteria chegava nos 5 milhões de dólares, alguém ganhava o prêmio, mesmo se não acertasse as 6 dezenas. Ou seja, não acumulava mais. Então Jerry pegou seu caderninho e fez uns cálculos e percebeu que o valor chegava em 5 milhões a cada 3 meses e que, com isso, se apostasse aproximadamente mil dólares ganharia 2 mil.
Com a brecha desvendada, Jerry contou o plano pra amigos que começaram a fazer bolões pra ganhar na loteria. E isso sem ferir nenhuma regra do jogo!
Jerry então começou a jogar mais e mais dinheiro nessas ocasiões onde a loteria pagava o prêmio que não acumulava e foi praticamente dobrando o valor recebido a cada vez.
Até que um dia… o estado de Michigan decidiu encerrar essa loteria.
Tristeza para o maior matemático vivo de todos os tempos?
Que nada! Ele descobriu que havia a mesma loteria em outro estado americano e decidiu repetir as apostas por lá.
Ele e sua mulher Marge viajavam praticamente 1400 km de carro para Massachussets quando a loteria acumulava.
No total, ao longo de toda jornada o casal guardou mais de 18 milhões de bilhetes que fizeram para caso necessitasse de alguma auditoria.
7 anos após a primeira aposta, o jornal The Boston Globe descobriu que apenas dois grupos estavam ganhando a maioria das apostas: o próprio Jerry e sua mulher e alunos de matemática do Instituto de Tecnologia de Massachusetts.
Aí, mermão, fim da linha pra todos!
Após a revelação, decidiram investigar o caso, mas concluíram que não havia ilegalidade de nenhum dos grupos e tiveram que mudar as regras.
Um exemplo com a Lotofácil, o prêmio menor de 11 acertos tem probabilidade de 1 para 11 de sair. Então se você fizer milhares de apostas, estatisticamente 1 em cada 11 bilhetes serão premiados. Pra fazer 11 apostas hoje você gastaria R$ 27,50. Então pra você dobrar esse valor, o prêmio deveria ser o dobro disso, ou seja, R$ 55,00. Só assim daria lucro. Mas atualmente o prêmio pra 11 acertos é de só R$ 5,00, por isso que essa tática não funciona no Brasil. Você apostaria R$ 27,50 com um retorno de só R$ 5,00.
Pra fazer esse esquema dar lucro dá até pra montar uma formulinha. O prêmio tem que ser maior do que a chance que você tem de ganhar, multiplicado pelo preço da aposta.
Pode falar o que for do Brasil, mas quem montou as loterias brasileiras se preocupou bastante com isso. Eu conferi e em todas elas o prêmio é menor que a formulinha que eu falei. Porém, um caso curioso ocorreu na Lotofácil da Independência de 2016, onde apenas 10 ganhadores levaram mais de 8 milhões de reais. Se você fizesse todas as 3,2 milhões de apostas possíveis da Lotofácil, gastaria na época 6,4 milhões de reais. Ou seja, teria lucro, já que o prêmio foi de 8 milhões!
Gostaram do vídeo? Procuram brechas nas loterias?

#Brecha #Loteria #DoctorLotto

Vídeo mais recente

0
🔴 Sorteio dos concursos da Lotofácil 2291 | Quina 5615 - AO VIVO (26/07)
Ver Mais
Clique aqui!